Jorge Heitor*: Guiné-Bissau em suspenso até Maio

Jorge Heitor*: Guiné-Bissau em suspenso até Maio

Só depois da segunda volta das presidenciais guineenses, marcada para 18 de Maio, é que se poderá fazer um balanço razoável de todo o processo, que aliás não é a questão principal da problemática do país, uma vez que nas circunstâncias em que no mesmo se vive quaisquer eleições podem...
Luanda resiste no adeus a mais um pedaço de arquitetura colonial

Luanda resiste no adeus a mais um pedaço de arquitetura colonial

Portugal e as suas administrações coloniais deixaram um rico e diversificado património arquitectónico em Angola, Moçambique e outras ex-colónias. Hoje, sob a lei dos petro-dólares e do betão, muito desse património que ocupa o centro de Luanda ou Maputo está sob ameaça. O mais recente exemplo é o teatro Elinga,...
Últimas Entradas
PAIGC e José Mario Vaz vencedores na Guiné-Bissau

PAIGC e José Mario Vaz vencedores na Guiné-Bissau

O PAIGC ganhou as eleições legislativas de 13 de abril na Guiné-Bissau, com uma votação expressiva, e o seu candidato a Presidente, José Mário Vaz (Jomav), terá sido também o mais votado, embora por maioria simples. A informação é avançada pelo Africa Monitor Intelligence* hoje. A eventualidade da ocorrência de reacções negativas à vitória do PAIGC,...
2ª edição de "Crónica da Fundação: Huambo/ Nova Lisboa" a caminho de Angola

2ª edição de “Crónica da Fundação: Huambo/ Nova Lisboa” a caminho de Angola

Em pouco mais de um mês, esgotou a primeira edição de “Crónica da Fundação: Huambo/ Nova Lisboa”, do jornalista luso-angolano Xavier de Figueiredo, que retrata as condições inéditas em que a cidade de Huambo foi criada em 1912. A 2ª edição está concluída, e será distribuída em Angola e noutros países lusófonos. “O livro foi...
Reforço das relações com espaço lusófono passa a ser lei na Galiza

Reforço das relações com espaço lusófono passa a ser lei na Galiza

Se a Guiné Equatorial se prepara para se tornar o novo membro da Comunidade dos Países de Língua Portuguesa, também na Península Ibérica há quem esteja a pensar numa aproximação. Na Galiza, berço da língua portuguesa, o reforço das relações com os países lusófonos passou a ser lei, de olhos postos nas vantagens económicas e...
Furriel português regressa à Guiné-Bissau 40 anos depois e encontra “miséria profunda”

Furriel português regressa à Guiné-Bissau 40 anos depois e encontra “miséria profunda”

“Não tenho traumas de guerra. Não quis falar do passado, o passado passou. Só pretendi reviver um país conhecido no Mundo pelas piores razões”. 40 anos depois, Manuel Vitorino, furriel miliciano exército português numa guerra colonial que achava perdida, voltou à Guiné-Bissau para ver que também a batalha pelo desenvolvimento está a ser perdida. Vitorino...
Novos meios militares de Moçambique têm “sotaque” brasileiro

Novos meios militares de Moçambique têm “sotaque” brasileiro

Moçambique vai ter novos aviões militares feitos no Brasil. A cooperação militar brasileira também se dispõe a reabilitar as escolas navais moçambicanas. Mais sinais da expansão da zona de influência se Segurança e Defesa no Atlântico Sul, envolvendo os países lusófonos. O ministro de Estado e da Defesa brasileiro, Celso Amorim, esteve recentemente em Maputo,...
Jorge Heitor*: Morreu Kumba Ialá, um dos agitadores da Guiné-Bissau

Jorge Heitor*: Morreu Kumba Ialá, um dos agitadores da Guiné-Bissau

Na madrugada de hoje, depois de longos anos de intriga e de muito consumo de bebidas alcoólicas, faleceu na Guiné-Bissau o antigo Presidente Kumba Ialá, um dos maiores agitadores que o país até hoje conheceu e um dos principais causadores dos seus males. Apesar de ser o mais antigo dos Países Africanos de Língua Ofical...
A Cimeira que Portugal queria, mas Moçambique não

A Cimeira que Portugal queria, mas Moçambique não

A segunda Cimeira Portugal-Moçambique poderá passar à história como a mais curta de sempre, um verdadeiro caso de “speed-dating”… que correu mal. Tudo isto porque, apesar de manifestações da falta de interesse de Maputo, o governo de Lisboa insistiu em fazer o encontro. Portugal levou o primeiro-ministro e alguns dos mais destacados ministros do governo...
Filipe Henriques: “A Guiné-Bissau oferece-me inspiração, Portugal profissão”

Filipe Henriques: “A Guiné-Bissau oferece-me inspiração, Portugal profissão”

 ”O Espinho Da Rosa”, a primeira longa-metragem do cinema negro escrito, realizado e produzido em Portugal, pelo cineasta de origem guineense, Filipe Henriques, será exibido no dia 4 de Abril no Cinema São Jorge, na 5ª Edição do FESTin 2014 – Festival de Cinema Itinerante da Língua Portuguesa. Apoiado pela Entertainment Portugal e a produtora...
Cabo Verde e Guiné continuam espera de 10 anos por acesso livre a mercados europeus

Cabo Verde e Guiné continuam espera de 10 anos por acesso livre a mercados europeus

Esteve à vista na Costa do Marfim um acordo entre à comunidade da África Ocidental (CEDEAO) e a União Europeia para levantar taxas aduaneiras ao comércio nos dois sentidos. Mas uma década de negociações ainda não foi suficiente, devido a oposição da Nigéria. Cabo Verde e a Guiné-Bissau vão ter de continuar mais tempo à...